CAOS NA PEDIATRIA EM CG: Crianças enfrentam longa espera por atendimento em hospital lotado

Há mais de um mês vem aumentando as demandas sobre o atendimento pediátrico em Campina. O Hospital da Criança e do Adolescente por exemplo é motivo de reclamação diariamente por pais que buscam atendimento dos filhos e muitas vezes voltam sem conseguir obter assistência médica.

De acordo com a cozinheira Lindalva Araújo que neste sábado ficou das 10h30h até às 15h ainda esperava com o filho pequeno por atendimento, a criança está com amigdalite e esta é a segunda vez que ela recorre ao hospital. “Na primeira vez meu filho foi atendimento e estava com febre muito alta e foi medicado, mas agora a febre voltou e não querem mais atendê-lo. Disseram que eu ficasse medicando em casa, mas como se não sei que remédio dar?”

Outra mãe que também enfrentou uma longa espera foi a dona-de-casa Erivânia Gomes, que levou a filha de apenas dois anos para ser examinado. “Cheguei às 9h e fui atendida às 14h30, quando disseram que não iam atender e que a gente procurasse a imprensa ou o Conselho Tutelar fiquei agoniada”, explicou.

A doméstica que mora no Jardim Continental disse que faz um mês que a criança tem diarreia, vômito e febre e que já havia procurado a UPA, mas o remédio que ela tomava não aliviava os sintomas.

Até o fechamento desta matéria o Portal Paraiba Debate tentou entrar em contato com a direção do Hospital da Criança, mas não conseguiu contato.

Compartilhar

Enquete

Você concorda com a volta às aulas presenciais este ano?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp