Casal que “protestou” fazendo sexo presta depoimento à polícia

Um casal que alega ter “protestado” fazendo sexo em frente à Câmara de Vereadores da cidade de Teixeira de Freitas, no interior da Bahia, foi identificado pela Polícia Civil. Um vídeo que registra o ato circula amplamente pelas redes sociais.

Veja também: Casal grava vídeo fazendo sexo em frente a Câmara Municipal e alega protesto: “Maneira de reivindicar direitos”

Elaine da Silva Santos Pinheiro, de 29 anos, e Márcio Antero Pinheiro, de 36, assinaram um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) e vão responder em liberdade pelo crime de ato obsceno.

Segundo as informações oficiais, eles confirmaram que fizeram o vídeo em forma de protesto contra os parlamentares da cidade – mas que, no entanto, não haviam cogitado a possibilidade de que o ato poderia constituir um crime. O caso será enviado para a Justiça Especial Criminal (JCRIM).

Se condenados, poderão pegar entre seis meses a um ano de reclusão.

O vídeo foi gravado na madrugada de domingo passado, após, de acordo com Márcio, ele ter ingerido bebida alcoólica e tomar coragem para fazer uma manifestação que chamasse a atenção dos vereadores da cidade.

Da Redação Paraíba Debate com Matheus Pastori/R7

Compartilhar

Enquete

Você concorda com a volta às aulas presenciais este ano?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp