CCL admite força de pré-candidatura de João Azevedo e ignora inexperiência de Lucélio

Ao falar sobre o pré-candidato do governo do Estado, João Azevedo, na manhã desta sexta-feira (4), em uma rádio local, o senador Cássio Cunha Lima admitiu a força do pré-candidato João Azevedo ao governo da Paraíba. De acordo com ele, João “pode ser a Dilma da Paraíba”.

Apesar da declaração ter tom de crítica em alusão ao fato de João Azevedo não ser um político de carreira, ele compara a indicação do governador Ricardo Coutinho  (PSB) a ex-presidente Dilma Rousseff, admitindo a popularidade do governador Ricardo Coutinho (PSB), que tal como Lula tem grandes chandes de fazer o sucessor.

Em seguida o senador – em um ato falho em relação a biografia do irmão do prefeito de João Pessoa, o pré-candidato da oposição, Lucélio Cartaxo, disse que que João Azevedo era uma incógnita e que tentar eleger um candidato que não tem experiência na vida pública não é uma boa alternativa.

O pré-candidato da oposição Lucélio Cartaxo nunca teve um mandato político, apesar de ter sido candidato a senador na última campanha estadual.  O irmão gêmeo de Luciano Cartaxo é formado em Farmácia pela UFPB e exerceu o cargo de Superintendente da Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU) em João Pessoa.

João Azevedo, o candidato governista é formado em Engenharia Civil e já exerceu vários cargos na administração pública de João Pessoa e da Paraíba. Até pouco tempo ele era secretário de Infraestrutura, Recursos Hídricos, do Meio Ambiente e da Ciência e Tecnologia da Paraíba, cargo do qual foi exonerado por causa do período de incompatibilização política.

 

Compartilhar

Enquete

Você concorda com a volta às aulas presenciais este ano?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp