Coligação de Fábio Ramalho desafia justiça eleitoral e promove aglomeração com paredões em Lagoa Seca

262

No último dia 30 de setembro, os candidatos a prefeito de Lagoa Seca se reuniram com a Justiça Eleitoral e concordara em não promoverem carreatas, caminhadas e nem qualquer evento com uso de paredão de som ou carro com mala aberta, mas ontem (9), a coligação do prefeito Fábio Ramalho, que concorre à reeleição realizou um pit stop com paredões, uma carreata até a praça da cidade e aglomeração de partidários.

Para Lagoa Seca foi permitida a realização de pitstop, no entanto sem obstrução de vias públicas, diferente do que ocorreu ontem, quando veículos seguiram em carreata pelas ruas estimulando a aglomeração de pessoas. Por fotos e vídeos é possível ver a irregularidade dos atos políticos diante até de uma viatura da Policia que participou da reunião com a Justiça e está autorizada a adotar as medidas legais para evitar o uso de tais equipamentos e agir com todo o rigor da lei.

Na reunião da Justiça, todos os candidatos, inclusive os candidatos a oposição, Diego (Cidadania) e Tota (Avante), respectivamente, concordaram em não utilizar paredões de som, carro com mala aberta tocando som ou carro de som tradicional durante a campanha eleitoral desse ano, para assim não causar aglomeração de pessoas nas ruas e para não colocar em risco a saúde da população, por conta da pandemia de coronavírus.

O acordo foi fechado durante reunião presidida pelo juiz da Comarca de Alagoa Nova, Dr. Eronildo José Pereira, responsável pela Justiça Eleitoral nos municípios de Lagoa Seca, Alagoa Nova e Matinhas.

Veja vídeos:

Leia Mais:
https://paraibadebate.com.br/diego-do-veleiro-e-tota-concordam-em-nao-usar-paredoes-para-evitar-aglomeracoes-e-proteger-a-populacao/

Compartilhar

Enquete

Você concorda com a volta às aulas presenciais este ano?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp