Comandante do Exército se manifesta sobre julgamento do STF e é visto como “ameaçador”

Imagem: print

O general Villas Boas é o alvo da vez nas interpretações sobre postagens no Twitter. Ele disse em seu perfil que o Exército “julga compartilhar o anseio de todos os cidadãos de bem de repúdio à impunidade e de respeito à Constituição” e que “se mantém atento às suas missões institucionais”.

Imagem: Print

“Nessa situação que vive o Brasil, resta perguntar às instituições e ao povo quem realmente está pensando no bem do País e das gerações futuras e quem está preocupado apenas com interesses pessoais?”, escreveu. Os jornais nacionais deram destaque e julgaram que ele falou ameaças veladas.

Já o general da reserva Luiz Gonzaga Schroeder Lessa disse ao Estadão que é dever das Forças Armadas restaurar a ordem, se o STF der uma rasteira na Constituição. É bom ficar atento.

Fonte: Redação PB Debate com O Antagonista

Veja também: Cai veto a projeto que muda remuneração e atribuições dos agentes comunitários de saúde

Compartilhar

Enquete

Você concorda com a volta às aulas presenciais este ano?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp