Criança morre com suspeita de dengue hemorrágica depois de ir oito vezes ao hospital

Imagem: ilustrativa

O pequeno Iran Lucas Bonifácio de Sousa morreu com suspeita de ser mais uma vítima da dengue hemorrágica. A morte da criança foi confirmada na manhã deste domingo (13), na UTI do Hospital Materno Infantil da cidade de Sousa, no Sertão da Paraíba. Se forem confirmadas a morte dele e da menina Lorena, de quatro anos, de Pocinhos, são duas vítimas em menos de um mês.

Lorena morreu na terça-feira (8), mas até a finalização desta matéria, a mãe ainda não tinha a confirmação. Já o menino Iran mora com os pais na cidade de Aparecida. Segundo o tio de Iran, Julian Bonifácio, alguns dias antes, ele apresentou febre, foi levado ao Hospital Materno Infantil e depois de ser medicado foi liberado pela equipe médica.

Ainda de acordo com a família, o menino voltou a sentir febre e uma forte dor abdominal. No sábado (12) foi encaminhado novamente ao hospital, mas seu estado de saúde se agravou e ele morreu na manhã do domingo (13).

“Ele foi umas oito vezes ao Hospital, em alguns casos fomos duas vezes no mesmo dia. Ele recebia atendimento e os médicos diziam que era a garganta. Um dia antes dele morrer, foram feitos exames e comprovaram que meu sobrinho estava com dengue”, disse Julian.

O corpo de Iran foi encaminhado ao Serviço de Verificação de Óbitos (SVO) que vai investigar a causa da morte. O laudo deverá ser divulgado em até 30 dias. O velório será realizado na casa dos avós da criança que fica localizada na Rua Antônio Francisco Pires, centro da cidade de Aparecida. Já o sepultamento será no Cemitério Maria Rainha da Paz.

Redação PB Debate com Diário do Sertão

Veja também: Criança de Pocinhos pode ter morrido vítima de dengue hemorrágica

Compartilhar

Enquete

Você concorda com a volta às aulas presenciais este ano?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp