Damião Feliciano afirma que Lígia está “bem nas pesquisas”, mas nega rompimento com o PSB

Damião, Lígia e Ricardo Coutinho (Foto: Reprodução)

O presidente do PDT paraibano e deputado federal, Damião Feliciano, negou, nesta quinta-feira (19), rompimento com o PSB do governador Ricardo Coutinho após o socialista optar por permanecer no cargo até o final do mandato, não passando o comando do Executivo Estadual para a vice Lígia Feliciano (PDT), que foi lançada pré-candidata a governadora pela cúpula nacional da legenda.

De acordo com Damião, uma possível candidatura de Lígia será construída. “Estamos trabalhando em cima do nome de Lígia e vamos buscar o povo. As pesquisas que nós temos em mãos mostra ela bem, mas isso é uma construção, ninguém é candidato de si. A candidatura de Lígia passa primeiro pelo povo”, garantiu.

Lígia, no dia ontem (18), também descartou rompimento com Ricardo e o PSB, afirmando que continua apoiando todas as ideias do governo.

Redação

Veja também:

Compartilhar

Enquete

Você concorda com a volta às aulas presenciais este ano?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp