De olho em 2018, Guilherme Almeida admite deixar o PSC

O deputado estadual Guilherme Almeida admitiu, nesta terça-feira (24), que pode trocar o Partido Social Cristão (PSC) pelo Solidariedade, visando às eleições de 2018. Segundo ele, o SD é um partido promissor e se adéqua perfeitamente à “busca de espaços” que ele projeta.

“Dentro dessa ótica de oxigenação, de surgimento de lideranças, podemos nos incorporar a esse projeto, podendo sair candidato, depois de uma avaliação futura, a deputado federal ou à reeleição. Há essa expectativa. O meu partido já tem conhecimento disso, já falei com o deputado Renato Gadelha, mas não é uma decisão tomada. Existe prazo, temos até abril do próximo ano”, afirmou.

Guilherme Almeida negou qualquer tipo de insatisfação dentro do PSC e voltou a justificar possível saída do partido baseando-se no desejo de participar da eleição do ano que vem como candidato.

“Nenhuma [insatisfação]. É um partido onde eu participo, só que a conjuntura impõe que tomemos caminhos onde haja verdadeira viabilidade eleitoral e que tenha um grupo que comungue com a expectativa da sociedade de mudança”, explicou.

Redação com Blog do Gordinho

Compartilhar