Diferente do PT, PCdoB não fará veto a “golpistas” na chapa de João Azevedo

Gregória e João Azevedo, pré-candidato ao Governo do Estado

“Na política a gente não trabalha com o que a gente deseja, mas com a política. Nossa visão é ampla”. O pensamento é da presidente estadual do PCdoB, Gregória Benário, ao descartar restrições a partidos e parlamentares que votaram no impeachment de Dilma Rousseff (PT).

Uma postura de contraponto ao veto feito pelo Partido dos Trabalhadores (PT) na chapa do PSB que será liderada pelo ex-secretário de Estado, João Azevedo. Azevedo recebeu ontem, quinta-feira (26), a adesão dos comunistas.

Redação com informações do Blog do Heron Cid

Veja também:

Compartilhar

Enquete

Você concorda com a volta às aulas presenciais este ano?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp