Dois homens e uma mulher são presos durante operação que investiga duplo homicídio, na Paraíba

65
Foram encontrados 25 pés de maconha, um tablete de maconha e uma espingarda, diz polícia. — Foto: Divulgação/Polícia Civil

Na manhã desta sexta-feira (11), um homem suspeito de envolvimento em um duplo homicídio e outro homem e uma mulher que estavam nos locais de busca e apreensão da Polícia Civil foram presos em Natuba, na Paraíba. Segundo a polícia, a Operação Coringa foi realizada em conjunto com a Polícia Militar e tem como objetivo cumprir três mandados de prisão e três mandados de buscas. De acordo com o Núcleo de Homicídio da Polícia Civil em Queimadas, os alvos são três indivíduos investigados de cometerem o duplo homicídio ocorrido no dia 29 de julho, em Gado Bravo, na Paraíba, quando foram vítimas Carlos Alberto José da Silva e Maria Gregório da Silva.

Foram presos um dos alvos iniciais, de 36 anos, na cidade de Natuba, e mais duas pessoas que se encontravam nos locais das buscas. A esposa de um dos alvos, de 18 anos, foi presa onde foram encontrados 25 pés de maconha, um tablete de maconha e uma espingarda. Também foi preso um homem de 56 anos, pai de um dos alvos, onde foi encontrada a provável arma usada no crime. Os presos em flagrante serão autuados por crimes de tráfico de drogas e posse irregular de arma de fogo, em seguida serão encaminhados à Cadeia de Aroeiras e a mulher ao Presídio Feminino em Campina Grande.

Redação Paraíba Debate com Informações G1 PB

Compartilhar

Enquete

Você concorda com a volta às aulas presenciais este ano?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp