Eliane Galdino não se sente derrotada e diz que o trabalho continua

Mesmo não obtendo maioria dos votos, a candidata do PSB em Pocinhos, Eliane Galdino, disse que não se sente derrotada, pois teria feito uma campanha honesta e apresentando propostas capazes de mudar o caos administrativo que vive recentemente o município. Dos votos válidos, Eliane obteve 5.464 (49,67%), contra 5.537 (50,33%) do prefeito reeleito, Cláudio Chaves (PTB), uma diferença apenas de 73 votos.

Eliane garantiu que o trabalho de oposição continuará e vai honrar cada voto recebido prestando serviço à comunidade e atendendo principalmente os mais carentes.

Eliane também enfatizou que até fevereiro de 2017 estará como presidente da Associação Promocional do Poder Legislativo (APPL), dessa forma, será capaz de viabilizar projetos para o município de Pocinhos, a exemplo de cursos profissionalizantes, palestras e oficinas.

Sobre as supostas “fraudes” na eleição, a candidata foi cautelosa em afirmar que todas as provas foram encaminhadas à justiça e agora o momento é de aguardar. De acordo com a denúncia, o atual prefeito teria montado um “esquema criminoso”, utilizando empresários para agir na compra de votos. Outro relato, comprovado através de testemunhas, que os motoristas que estavam à serviço da justiça eleitoral, no dia da eleição, não buscavam eleitores adversários, já que esses mesmos motoristas são contratados da prefeitura.

Da redação.

Compartilhar

Enquete

Você concorda com a volta às aulas presenciais este ano?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp