Em entrevista ao Correio Debate, Adriano Galdino fala sobre julgamento que pede cassação do prefeito de Pocinhos

Em entrevista ao Correio Debate na Rádio Correio FM, nesta sexta-feira (29), o deputado estadual e Secretário de Articulação Política, Adriano Galdino(PSB), discorreu sobre os mais diversos assuntos indagados pelos apresentadores Nilvan Ferreira, Victor Paiva e João Costa. O socialista explicou da nova missão, confiada pelo Governador Ricardo Coutinho, para nessa nova secretária em buscar o diálogo permanente com os prefeitos e lideranças políticas dos municípios.

“Nosso trabalho é dialogar e mostrar as lideranças e prefeitos que a Paraíba realmente mudou com o atual modelo administrativo, e que tem sido exemplo e premiado em todo o Brasil”, explicou. Galdino acrescentou que o governador tem feito bastante pelo estado, mesmo o Brasil e estados vizinhos do Nordeste passando por uma crise nacional. “Estamos em uma gestão que enfrenta uma crise nacional e regional, que atinge em alguns momentos a nossa Paraíba”, completou.

Adriano falou sobre a polêmica do fim do racionamento em Campina Grande e mais 18 cidades, classificando as críticas feitas pela oposição na rainha da Borborema de “injustas” e “sem fundamentos”. “Só sabe o que é ficar sem água quem mora na periferia de Campina Grande e nas pequenas cidades, porque quem mora na capital ou em um bairro nobre de Campina não sabe o que é ficar sem água”, disse, falando sobre a decisão da Justiça Federal que mantém o racionamento. “A medida é justíssima e vai aliviar a vida de toda uma população”, acrescentou.

Quando indagado sobre o atual cenário político, com vistas as eleições de 2018, Adriano reforçou o apoio a pré-candidatura ao governo do estado do Secretário de Recursos Hídricos João Azêvedo. “Muitas das obras realizadas no governo tem o trabalho de João, que tem um grande serviço prestado ao estado e que não tenho dúvidas conseguirá fazer uma gestão muito melhor que a do governador Ricardo”, frisou. “Quando a população começar a entender que grande parte dessas obras tem um dedo de João Azevedo , vão saber que é o candidato que mudou a vida dos paraibanos”, sublinhou.

Adriano citou sobre o julgamento da ação que pede a cassação do prefeito de Pocinhos, Claúdio Chaves(PTB), na manhã de hoje. O gestor explicou que em toda a cidade as pessoas sabem que houve fraudes nas eleições, mas que no momento certo as provas das suspeitas dos atos ilícitos vão chegar no momento certo ao TRE. “Houve todo tipo de safadeza e uma compra de votos escancarada. Isso é uma coisa que todo mundo em Pocinhos sabe, e nós vamos mostrar com provas ao TRE”, declarou.

O secretário ainda rebateu as críticas as lideranças de oposição ao governo do estado em Campina Grande, sobre as diversas acusações de que o governo do estado não tem nenhuma obra na cidade. Galdino respondeu, citando obras como adutoras, reforma de escolas estaduais, ampliação de vias, asfaltamento de estradas, construção do Parque Bodocongó entre outras. “Isso é um discurso vazio da oposição, o governador Ricardo Coutinho tem obras sim em Campina Grande”, finalizou Adriano Galdino.

Redação

Compartilhar

Enquete

Você concorda com a volta às aulas presenciais este ano?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp