Em Pocinhos, quem precisa de atendimento médico tem que dormir na fila

Os pacientes dormem no postinho para receber a ficha de agendamento.

Mesmo com a adesão ao Sistema Nacional de Regulação (Sisreg), sistema que permite o usuário do SUS marcar consultas e exames sem se deslocar de casa, os pocinhenses que precisam de atendimento médico tem que dormir na fila.

11949536_1018465041507683_1335774134_nA maioria são mulheres de origem humilde, pegam colchões e lençóis e vão para as unidades básicas de saúde (UBS), em Pocinhos. Lá, passam a noite na intenção de pegar uma ficha que será entregue por um atendente somente no dia seguinte, às 7h00.

Essa situação acontece durante toda a semana e foi testemunhada pela reportagem do PARAÍBA DEBATE (às 19h00m), desta quarta-feira, 26, no bairro da Cagepa.

Os pacientes dormem no postinho para receber a ficha de agendamento. No dia seguinte, por volta das 07h00, eles recebem as fichas, que são limitadas.

Da redação.

Compartilhar

Enquete

Você concorda com a volta às aulas presenciais este ano?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp