Estado de saúde de mulher atropelada é grave e bebê está morto

O diretor do Hospital de Trauma de Campina Grande, Geraldo Medeiros confirmou na manhã desta sexta-feira (11) que o bebê da mulher atropelada pela retroescavadeira não resistiu e morreu na barriga dela.  Rayane Andrade, 27, estava grávida de cinco meses e foi atropelada na última terça-feira (8), por uma retroescavadeira no bairro do Cruzeiro.

Ela está internada no Hospital de Trauma de Campina Grande e o estado é considerado grave.

Veja mais

http://www.paraibadebate.com.br/estado-de-saude-de-mulher-atropelada-e-grave-e-bebe-esta-morto/

Compartilhar

Enquete

Você concorda com a volta às aulas presenciais este ano?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp