Gato vira-lata se torna principal suspeito de tentativa de homicídio; entenda

Imagem: Ilustrativa

Um caso curioso chamou a atenção na cidade de Mifune, no Japão. Mayuko Matsumoto, 82 anos, foi encontrada em casa pela filha coberta de sangue. A idosa tinha mais de 20 cortes espalhados pelo corpo. Como não consegue falar ou sair da cama, ela também não pôde pedir ajudar.

A polícia, então, começou uma investigação para saber quem foi o responsável pela tentativa de assassinato da idosa. Segundo os agentes, não havia nenhum sinal de invasão da casa. Ao se olhar mais atentamente aos cortes, percebeu-se que pareciam arranhões de gato.

A região é conhecida por ter muitos gatos vira-latas. Ao recolherem alguns animais, um laboratório constatou a presença de sangue humano nas unhas, segundo informações do jornal Nishinippon Shimbun. Será feita agora a comparação com o sangue da idosa, mas ainda não se sabe qual será a pena do felino caso comprovada a tentativa de homicídio.

Veja também:

 

Compartilhar

Enquete

Você concorda com a volta às aulas presenciais este ano?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp