Gerente de posto de combustível é morto após tentativa de assalto

Suspeito preso pela polícia foi levado para o Hospital de Trauma de Jõao Pessoa após ser espancado por população (Foto: Waltter Paparazzo/G1)

O gerente de um posto de combustível foi morto na tarde deste sábado (26) durante uma tentativa de assalto, na Avenida Edson Ramalho, no bairro Manaíra, em João Pessoa. Segundo a Polícia Militar, o homem reagiu à abordagem de dois assaltantes armados, e um deles teria atingido a vítima com um tiro no peito.

De acordo com relato de testemunhas à PM, o gerente reagiu ao assalto tentando segurar e tomar a arma de um dos homens. Um suspeito foi preso ainda no local. Com ele, a polícia apreendeu a arma que teria sido usada no crime e uma moto.

As informações da PM são de que o suspeito foi preso depois de ter sido espancado por algumas pessoas que estavam no local. O outro suspeito conseguiu fugir antes da chegada da polícia em direção à Avenida Ruy Carneiro.

Um funcionário do posto que também estava no local contou que os dois suspeitos estavam na entrada do estabelecimento observando, depois saíram e retornaram já cercando o gerente, quando anunciaram o assalto. O funcionário relata ainda que ouviu o disparo, mas não viu se o gerente reagiu à abordagem dos criminosos.

A polícia informou que o gerente não resistiu ao ferimento e morreu a caminho do hospital. O suspeito preso pela polícia foi levado para o Hospital de Trauma e depois encaminhado para a Central de Flagrantes da cidade.

Veja mais: Gangue da marcha à ré tem tentativa frustrada

Da Redação Paraíba Debate com G1 PB
Compartilhar

Enquete

Você concorda com a volta às aulas presenciais este ano?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp