Justiça determina retratação de comunicador por compartilhamento de mensagens ofensivas

Em audiência na manhã da última segunda-feira (05), no Fórum Desembargador Almir Carneiro da Fonseca, o comunicador Geraldo Minervino, apresentador de um programa de rádio local, acusado pelo compartilhamento de mensagens ofensivas através da sua rede social WhatsApp, foi responsabilizado, e como punição será obrigado a retratar-se diariamente em seu programa sobre tal.

Num vídeo repassado pelo comunicador, diversas pessoas, dentre elas autoridades e pessoas publicas, a exemplos de vereadores, secretários, e até mesmo o prefeito da cidade, foi alvo das ofensas, sendo mencionadas com fotos, legendas, apelidos pejorativos, e ofensas pessoais.

Os prejudicados acionaram a justiça, e na primeira das audiências ficou determinado ao senhor Geraldo Minervino, que deve retratar-se três vezes por semana, pelos próximos 30 dias. Além disso, o comunicador ainda deverá pagar multa revertida em favor da cadeia pública de Itabaiana. Outras cinco audiências pelo mesmo motivo já estão agendadas, podendo resultar em novas indenizações, multas, e retratações.

Da Redação

Compartilhar

Enquete

Você concorda com a volta às aulas presenciais este ano?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp