Lira é contra mudança de nome do PMDB e acredita que volta do MDB não prospera

Foto: Waldemir Barreto/Agência Senado

O PMDB passará por um processo de consulta interna para tentar aprovar mudança de nome do partido e voltar a se chamar MDB (Movimento Democrático Brasileiro), assim como na Ditadura Militar. Para o senador paraibano, que já se posiciona contrário à alteração, a “ideia não deve prosperar”.

“Pode ser que haja uma discussão, o PMDB é um partido muito democrático, mas não vejo possibilidade dessa ideia ter sucesso. Não acredito que isso não vai acontecer, o nome PMDB é um nome totalmente consagrado e consolidado, então não tem a menor possibilidade dessa ideia prosperar não”, disse.

Na opinião do senador o nome do PMDB já está consolidado, e “apesar do MDB ter feito parte da época da redemocratização, ele foi um partido criado pela Ditadura”, por isso, o seu retorno não teria como ser desassociado à época.

“O MDB ocupou o seu momento, a sua fase histórica já passou, foi um partido criado pela própria revolução, foi um partido da resistência e depois se tornou o partido da redemocratização, mas o PMDB é a continuação então não tem porque voltar ao passado”, defendeu.

Hoje, o senador cumpriu agenda ao lado do governador Ricardo Coutinho (PSB), em Cajazeiras, onde o governo do estado entregou a Escola Técnica e o Aeroporto da cidade.

Blog do Gordinho

Compartilhar

Enquete

Você concorda com a volta às aulas presenciais este ano?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp