Luiz Couto não perdoa e prevê: prefeito de João Pessoa será tragado por escândalo

Couto na Câmara dos Deputados

O deputado federal Luiz Couto (PT) concedeu na última sexta-feira, 9, uma série de entrevistas a emissoras de rádio da capital paraibana e, a pedido da imprensa, avaliou a saída do prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, do PT.

Couto considerou contraditória a justificativa dada pelo gestor para deixar a sigla.

“Ele foi muito infeliz ao dizer que saía do partido por causa de escândalos. Primeiro, porque o primeiro escândalo foi em 2005, quando ele nada falou. Segundo, porque há muito tempo conversava com Cássio Cunha Lima e tudo indica que se aliará a ele nas eleições do ano que vem. Vai enfrentar um escândalo que é fazer uma composição com quem saiu do governo cassado”.

Couto ainda declarou que a suposta insatisfação de Cartaxo com o PT nunca foi tratada nas instâncias partidárias e que todos os filiados foram pegos de surpresa.

“Quando há um problema na nossa casa, é normal que tentemos resolver, dialogar, e não mudar de família. Nem a direção nacional do PT sabia de nada. Ele não falou com ninguém”.

Luiz Couto também defendeu o governo da presidente Dilma Rousseff e avaliou que ela tem feito esforços para tirar o País da crise econômica, encontrando, contudo, resistência de setores do Congresso Nacional que não querem ver o Brasil melhorar porque isso significaria o fortalecimento do governo federal.

Para Couto, o trabalho da oposição é espalhar o clima de terror no mercado e entre a população.

“Parecem a Candinha. Só agouram e não tem proposta alguma para o País”.

Outro tema abordado pelo deputado foi a tese de alianças para 2016. O deputado afirmou que o PT não vai tratar desse assunto agora porque está empenhado em rearrumar a casa após as defecções causadas pela mudança de Luciano Cartaxo e seus aliados próximos.

“Há tempos defendia um recadastramento no partido para deixar apenas quem tivesse identidade com o PT. Agora, vamos nos organizar e depois disso avaliar qual a melhor estratégia para o pleito municipal”, finalizou o parlamentar.

Da Redação com Ascom

Compartilhar

Enquete

Você concorda com a volta às aulas presenciais este ano?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp