Mônica comemora derrubada a veto a projeto que valoriza companhia teatral: “Foram reconhecidos em Brasília, e porquê não em Pocinhos?”

A Vereadora Mônica de Beto(PSB), durante a sessão ordinária da Câmara Municipal de Pocinhos nesta quarta-feira(20), lamentou o veto da prefeita interina Maísa Souto(PTB) ao projeto de lei que valoriza a Companhia de artes cênicas Cosmos. O projeto instituí a companhia como um serviço de utilidade pública para o município, dada a contribuição que a Cosmos tem dado a Pocinhos com seu trabalho.

“Só tenho a lamentar que a prefeita tenha vetado esse projeto, o que mostra qual o pensamento da atual gestão sobre a cultura do nosso município. A companhia tem um contribuição importante, devido aos trabalhos voluntários realizados com crianças, jovens, adultos e idosos”, disse Mônica em seu pronunciamento na Câmara.

Entretanto o veto foi derrubado na sessão da Câmara Municipal, após uma longa discussão entre os vereadores. Mônica comemorou a derrubada, e reforçou que a cultura de local venceu. “Foram reconhecidos em Brasília, e porque não aqui em Pocinhos? Isso demonstra que os vereadores tem poder, quando é para questionar as ações do executivo. Vocês estão de parabéns”, disse a vereadora se dirigindo aos integrantes da companhia presentes na sessão da Casa.

A Companhia é conhecida por levar o nome de Pocinhos para outros estados, além de realizar a tradicional encenação da Paixão de Cristo, no período da semana santa. Com esse veto deixa de ter um apoio maior da Prefeitura. Desde o dia que foi vetado a prefeitura não deu nenhuma explicação sobre o tema.

Redação

VEJA TAMBÉM

Compartilhar

Enquete

Você concorda com a volta às aulas presenciais este ano?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp