“Não fui convidado”, conta Veneziano sobre confraternização do PMDB

O deputado federal Veneziano Vital do Rêgo (PMDB) afirmou nesta quinta-feira (29) que não foi convidado para festa de confraternização do PMDB da Paraíba comandado pelo senador José Maranhão, presidente estadual do partido.

“Ali não foi uma confraternização do PMDB, eu lastimo pela falta de cortesia, em não fazê-lo em relação a outros quadros do PMDB e lastimo profundamente porque é mais ou menos o retrato do que foi o PMDB nesse ano de 2016”, criticou.

Já Maranhão negou que o convite não tenha sido feito ao parlamentar. Segundo sua assessoria de comunicação, ligações foram feitas a Veneziano, que não teria atendido os telefonemas. Ainda de acordo com a assessoria, um convite foi enviado ao deputado pelo Whatsapp.

Veneziano contou que ficou surpreso com a confraternização, porque segundo ele, “havia muito menos peemedebistas do que integrantes de outras legendas”.

“Parece-me que a confraternização de ontem não foi do PMDB, não fui convidado, não sei se é porque sabidamente os integrantes do PMDB que o conduzem não se sentiriam a vontade em convidar por saber que o ambiente não seria o mais adequado para que lá nós estivéssemos”, disse fazendo referência a seus adversários políticos que participaram da confraternização, como o senador Cássio Cunha Lima (PSDB) e os deputados federais Rômulo Gouveia (PSD) e Pedro Cunha Lima (PSDB).

A confraternização do PMDB aconteceu na noite dessa quarta-feira (28), no restaurante Gulliver Mar, na orla de João Pessoa. O jantar oferecido por Maranhão foi marcado pela presença políticos que fazem oposição ao governador Ricardo Coutinho (PSB). Além de Cássio, Pedro e Rômulo, estavam presentes o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PSDB), e o vice-prefeito diplomado Manoel Júnior (PMDB).

Redação com Blog do Gordinho

Compartilhar

Enquete

Você concorda com a volta às aulas presenciais este ano?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp