Odebrecht detona Aécio e acusa marqueteiro de ser seu caixa informal

O senador Aécio Neves (PSDB-MG) terá posição de destaque na delação premiada da Odebrecht; a empreiteira afirma que o senador era pago por meio de repasses a uma das agências de publicidade de Paulo Vasconcelos, que trabalha com Aécio há muitos anos e foi seu marqueteiro na campanha presidencial de 2014; “em relação ao Aécio, está tudo muito bem documentado”, diz um dos investigadores.

Aécio já foi citado na Lava Jato como responsável por um mensalão em Furnas e por esquemas do Banco Rural, no mensalão mineiro.

De acordo com sua apuração, a Odebrecht o acusa de receber milhões por meio de seu marqueteiro Paulo Vasconcelos, que atua com Aécio há vários anos e fez sua campanha presidencial em 2014. Os pagamentos seriam feitos pela Odebrecht a uma das agências de publicidade de Vasconcelos, que pagava despesas de Aécio, como seu caixa informal.

“Em relação a Aécio, está tudo muito bem documentado”, disse um dos investigadores ao jornalista Renato Onofre.

Fonte:Brasil 247

Compartilhar

Enquete

Você concorda com a volta às aulas presenciais este ano?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp