Pedro Cunha Lima admite deixar o PSDB, mas nega ida para o PPS

Foto: Reprodução

O deputado federal Pedro Cunha Lima admitiu, nesta sexta-feira (09), a possibilidade de deixar o PSDB. Vez por outra especulações em torno de uma troca de partido vêm à tona. Desta vez o colunista de ‘O Globo’, Lauro Jardim, deu como certa a ida do tucano para o PPS.

Pedro negou que esteja de malas prontas para o Partido Popular Socialista, mas admitiu que há uma movimentação em torno de um grupo de deputados que planejam uma adesão em massa a um partido. Entretanto, ainda não há qualquer tipo de definição neste sentido.

“Não tem nenhuma decisão de ir pro PPS. Agora também não consigo negar completamente porque tem um movimento na Câmara que eu faço parte, são vários Estados, e a gente tenta reunir um grupo para uma ação política mais radical de mudança, pra tentar reagir a esse desmoronamento partidário da política. Esse movimento tenta se juntar em um partido só. Qual será esse partido é complicado, é uma conversa que vem se arrastando. Se vai ter essa junção em um partido só também é algo que está em aberto, talvez cada um fique em um partido”, explicou.

Questionado de forma mais clara sobre a real possibilidade de deixar os quadros do PSDB, Pedro foi categórico: “Se o movimento for todo para um partido, também posso ir”.

Saiba mais:

Compartilhar

Enquete

Você concorda com a volta às aulas presenciais este ano?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp