PM suspende seleções internas para cabo, sargento e habilitação de oficiais

Imagem: PM

O comandante-geral da Polícia Militar, coronel Euller Chaves, determinou apuração dos serviços prestados pelo Instituto de Desenvolvimento Institucional Brasileiro (IDIB). Será instalada uma comissão que irá apurar quanto à realização das provas para as seleções internas para Cabos, Sargentos e Habilitação de Oficiais da corporação, que serão suspensas, conforme divulgaram as comissões, até o fim da análise em até 30 dias.

Um processo administrativo foi instaurado pelo comando da instituição. Perceberam que itens do contrato celebrado com a banca vencedora das quatro que concorreram para realizar as seleções internas poderiam não ter sido cumpridos. Um exemplo é oferecer tipos distintos de provas e cobrança do conteúdo previsto no edital.

A comissão que vai apurar é presidida por um coronel e deve apresentar o resultado da análise. As provas foram realizadas no dia 25 de fevereiro, com o objetivo de selecionar 60 policiais militares para o Curso de Formação de Cabos (CFC), 60 para o Curso de Formação de Sargentos (CFS) e 20 para o Curso de Habilitação de Oficiais (CHO).

As seleções internas foram retomadas em 2011, o que vem garantindo oportunidade de ascensão aos policiais militares da base. Outra oportunidade para a tropa, proposta pelo atual comandante-geral, é a possibilidade de concorrer a uma das vagas do concurso para o Curso de Formação de Oficiais (CFO) com idade de até 40 anos, desde que atendidas as exigências do edital. Antes, era até 30 anos.

Fonte: Da redação com Polícia Militar PB

Veja também: Deputados Nabor Wanderley e Hugo Mota deixam o MDB e se filiam no PRB

Compartilhar

Enquete

Você concorda com a volta às aulas presenciais este ano?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp