População de Esperança se solidariza pelo falecimento de Irmã Luciana

A Cidade de Esperança e região está enlutada nesta sexta-feira (10), isso porque faleceu no dia de hoje a Irmã Luciana, religiosa da Congregação das Irmãs de Fraternidade Santo Antônio. Com mais de 55 anos dedicados a esta obra de misericórdia no município Irmã Luciana representa todos os moradores de Esperança e cidades circunvizinhas beneficiadas pela freira

As irmãs de Santo Antônio chegaram por volta de 1962, advindas da Holanda para realizar obras sociais na região. Inicialmente as irmãs chegaram para auxiliar nos serviços pastorais da paróquia de Esperança, prestando serviços de saúde nas salas que pertencem à paróquia. Anos após as irmãs fundaram a Casa de Saúde e Maternidade São Francisco de Assis, permitindo que muitas mães tivessem seus filhos pelos cuidados das religiosas.

Logo após foram as irmãs iniciaram atividades educativas nas comunidades rurais de Esperança, Areial e outros municípios, com salas de aula montadas nessas comunidades para a alfabetização dos populares. Ela nasceu em 19 de Abril de 1932, e umas das mais conhecidas frases suas foi: “Ajudar os que mais precisam é a missão de cada um de nós e essa tem sido a minha missão”.

Irmã Luciana era uma das mais antigas das irmãs Santo Antônio em Esperança, e foi homenageada através das redes sociais pela Prefeitura de Esperança e pelo encontro de Casais com Cristo(ECC), da paróquia de Esperança.

Irmã Luciana faleceu por volta das 13h de hoje no Convento das Irmãs Santo Antônio. haverá uma missa de corpo presente nesta sexta(10) na capela do Convento às 19h30, e o velório está marcado para iniciar as 17h no mesmo local.

Compartilhar

Enquete

Você concorda com a volta às aulas presenciais este ano?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp