Prefeita de Mamanguape emite nota e diz recorrer da decisão de primeira instância

A prefeita de Mamanguape, Eunice Pessoa (PSB), emitiu nota no inicio da tarde desta terça-feira (17), assinada pelo escritório que presta serviços de advocacia para ela, esclarecendo a questão judicial que a envolve no exercício do cargo.

A gestora teve seu mandato cassado na manhã de hoje após decisão da juíza Juliana Duarte Maroja, da 7ª Zona Eleitoral. O ato atinge também a vice-prefeita Baby Helenita Veloso Silva (PRTB).

Na nota enviada à imprensa, Eunice nega qualquer irregularidade no pleito de 2016 que a elegeu e ainda afirma que irá recorrer da decisão.

Confira a nota na íntegra:

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Em respeito à vontade soberana da população de Mamanguape, a prefeita Maria Eunice esclarece que irá recorrer da sentença proferida pela Juíza da 7ª Zona Eleitoral, que cassou o seu mandato.

Como ficou bem claro ao longo de todo o processo judicial, em momento algum a prefeita Maria Eunice participou, autorizou que terceiros participassem ou foi beneficiária de qualquer ato que pudesse violar as normas eleitorais e a legitimidade do pleito de 2016.

Dessa forma, embora respeite, a prefeita Maria Eunice entende que a decisão de primeira instância é injusta, de modo que irá submetê-la a reexame pelo Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba, onde espera que seja integralmente reformada.

Registra, por fim, confiança na Justiça Eleitoral, com a convicção de que seu mandato, legitimamente conquistado nas urnas, será respeitado.

Compartilhar

Enquete

Você concorda com a volta às aulas presenciais este ano?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp