Prefeitura de Pocinhos usa recursos do Pnate para locação de veículos em empresa fantasma

Prefeito Cláudio Chaves

O Ministério Público Federal (MPF), abriu procedimento para averiguar o uso indevido dos recursos do Programa Nacional de Apoio ao Transporte Escolar (Pnate), pela prefeitura de Pocinhos, cariri do estado.

De acordo com denúncia, o prefeito Cláudio Chaves Costa (PMN), teria liberado mais de R$ 350 mil reais para 11806834_1436456533351341_1544562050_o (1)a empresa Santur Turismo – Aluízio Pessoa dos Santos – ME, também investigada pelo MPF, por não funcionar no enderenço indicado nas notas emitidas pela prefeitura de Pocinhos.

O prefeito também está sendo acusado de gastos excessivos na locação de veículos, que já somam mais de R$ 3,5 milhões, em menos de três anos.

O prefeito não se manifestou sobre as denúncias.

O Programa Nacionalde Apoio ao Transporte do Escolar (Pnate) foiMPF - Santur instituído pela Lei nº 10.880, de 9 de junho de 2004, com o objetivo de garantir o acesso e a permanência nos estabelecimentos escolares dos alunos do ensino fundamental público residentes em área rural que utilizem transporte escolar, por meio de assistência financeira, em caráter suplementar, aos estados, Distrito Federal e municípios.

Da redação

Compartilhar

Enquete

Você concorda com a volta às aulas presenciais este ano?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp