Presidente da AESA deve deixar cargo e disputar eleições deste ano

O presidente da Agência Executiva de Gestão das Águas do Estado da Paraíba (Aesa), João Fernandes, pode deixar seu cargo na gestão de Ricardo Coutinho (PSB) e disputar nas eleições deste ano para o cargo de deputado federal ou estadual.

Ele adiantou, essa semana, ao jornalista Henrique Lima, que essa decisão vai depender da ajuda de seu partido, pois disposição ele tem de sobra. João acredita que pode ser um político sério, já que afirma ter compromisso com a sociedade paraibana e brasileira.

“Acho que no exercício de um mandato estadual ou federal eu procuraria exercer do mesmo jeito que faço na Aesa. Quando fui para Aesa eu sabia que era um desafio, mas eu não sou frouxo não, eu sou um homem que cresce na tempestade. Então nós que temos a pretensão de sermos pessoas sérias, se nós nos omitirmos estaremos facilitando a vida daqueles que vão enganar o povo. Se eu tiver condições e se o partido quiser, é provável que eu deixe a Aesa e dispute às eleições para ver se dou minha contribuição como parlamentar do povo paraibano”, disse.

Fernandes expressou o tamanho da sua vontade. “Vontade eu tenho, mas vontade às vezes dá e passa”, frisou.

Ele ficou mais conhecido no Estado com a chegada das águas da Transposição do Rio São Francisco, o que o colocou diariamente na mídia.

Veja também:

Compartilhar

Enquete

Você concorda com a volta às aulas presenciais este ano?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp