Procurador Geral da PMCG confirma que manteve contato com Rennan Trajano

O procurador geral da Prefeitura de Campina Grande, José Mariz, confirmou que o ex-tesoureiro do órgão, Rennan Trajano, o procurou para revelar fatos sobre um suposto esquema de corrupção durante o mandato do ex-prefeito e atual deputado federal, Veneziano Vital do Rêgo (PMDB).

Segundo Mariz, os fatos revelados foram surpreendentes e a partir dali ele procurou o Ministério Público Federal, o Ministério Público da Paraíba e a Polícia Federal para que fosse aberto investigação sobre os casos.

O procurador disse que teve acesso as provas do ex-secretário e também ao processo licitatório de R$ 10 milhões da JGR. Segundo ele, nesta, há uma sucessão de equívocos.

– Como uma empresa que nunca participou de uma licitação, que não tinha capacidade técnica, não tinha nenhuma sede, nenhum carro, nenhum servidor, ganhou uma licitação de mais de R$ 10 milhões? E como é que uma prefeitura não tem o conhecimento de uma obra nesse valor, quando a gente sabe que algumas ruas foram feiras por empresas privadas?” – questionou.

Mariz ainda ressaltou que fatos como esses ele não teria condições de investigar se Rennan não tivesse dito.

– Eu vou me encontrar com ele (Rennan) quantas vezes forem necessárias dependendo dos fatos que ele me passar, porque eu preciso. Veneziano que me desculpe. Não é só esse caso, são inúmeros que já estão sendo investigados e a única pessoa que pode chegar e desvendar esse capítulo é Rennan que viveu e sentiu a ardência dos acontecimentos – relatou.

O procurador ainda disse que na época em que o ex-tesoureiro esteve em seu gabinete, ele tinha movido ações na justiça contra Rennan, e que a delação não foi motivo para pedir o arquivamento dos processos, que continuam aberto.

FONTE: Da Redação com Paraíba Online

Compartilhar

Enquete

Você concorda com a volta às aulas presenciais este ano?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp