Raimundo Lira diz que desejo é seguir no Senado, mas não descarta disputar o Governo: “Temos que aguardar”

O senador Raimundo Lira (PMDB) respondeu nesta sexta-feira (25) sobre sua vontade de seguir no Senado ou tentar disputar o Governo do Estado em 2018. Durante entrevista a rádio Correio FM, Lira confirmou que quer disputar a reeleição, mas não descartou a disputa pelo Governo. Ele explicou que o mais importante é ajudar a Paraíba, seja auxiliando o governador, seja estando no cargo. No entanto, lembrou que para ser o mandatário do Estado é preciso muito mais que vontade.

“O meu desejo e minha vontade é continuar no Senado Federal. Tenho a vontade de pleitear a reeleição para seguir aqui em Brasília e ajudar ao Governador que estiver no comando do Estado. Para ser candidato a governador não se constroi isso sozinho, pessoalmente, precisa de apoios, circunstâncias políticas a momento a favor, além dos agentes políticos que interferem na escolha do candidato. A Paraíba sabe que temos uma boa relação com Ricardo Coutinho (PSB) e me sinto na obrigação de ajudar porque fazendo isso ajudo ao Estado”, explicou.

Indagado se caso o cavalo passe selado, e houvesse a possibilidade de pular, Lira disse que é preciso aguardar até 2018.

“Não posso fazer alusão ao Governo com tanta antecedência. Temos que aguardar, há muito tempo pela frente. A partir de janeiro de 2018 é que poderemos verificar se o cavalo vai passar selado ou não”, finalizou Lira.

O senador Raimundo Lira era suplente e se tornou titular da vaga após o ex-senador Vital do Rêgo assumir o cargo de ministro do Tribunal de Conta da União no dia 4 de fevereiro de 2015. Em 2010, Vitalzinho foi o segundo senador mais votado com 869.501 votos.

Compartilhar

Enquete

Você concorda com a volta às aulas presenciais este ano?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp