Ricardo admite possibilidade de não concluir mandato: “Se for melhor para o projeto”

Damião, Lígia e Ricardo Coutinho (Foto: Reprodução)

O governador Ricardo Coutinho (PSB) admitiu a possibilidade de não concluir o mandado até o final de 2018. Especula-se que o gestor se desincompatibilize do cargo no prazo exigido pela Justiça para concorrer a uma vaga no Senado, nesta caso, a vice-governador Lígia Feliciano (PDT) assumiria o comando do Executivo Estadual. Lígia, inclusive, é um dos nomes cotados para disputar o Governo do Estado pelo grupo.

Segundo Ricardo, sua saída do governo só ocorrerá se for de interesse do projeto político que representa, contudo, ele impõe a condição comandar todo o processo: “Eu só saio numa única hipótese: primeiro que seja melhor para o projeto político que eu represento. Segundo, que eu, enquanto governador, tenha o comando do processo. Eu não terceirizo esse comando. O comando será meu em qualquer hipótese, eu saindo ou ficando”, disse.

Ricardo também afirmou que se sentiria honrado em concluir o mandato: “Eu tenho a maior tranquilidade em concluir o mandato, para mim seria uma honra enorme passar oito anos nesse governo, mantê-lo com o ritmo da minha equipe”, disse.

Redação Blog do Gordinho

Compartilhar

Enquete

Você concorda com a volta às aulas presenciais este ano?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp