Rômulo revela desejo de voltar a disputar a prefeitura de CG

Candidato à Prefeitura de Campina Grande sem êxito por duas vezes, o deputado federal Rômulo Gouveia presidente do PSD, não esconde o desejo de voltar a disputar as eleições na Rainha da Borborema em 2020.

Para ele, a vontade é quase que natural, e se houver consenso, estará à disposição: “Se eu disser que não eu estaria mentindo. Se daqui a quatro anos meu nome for lembrado, se não houver nenhum empecilho, eu estou à disposição”.

Rômulo foi candidato à prefeito de Campina Grande em 2004 e 2008, perdendo por duas oportunidades para Veneziano Vital do Rêgo (PMDB). Em uma das eleições Rômulo chegou a sair vencedor no primeiro turno, mas perdeu em segundo turno por 793 votos.

“Diante dos últimos resultados eleitorais, eu me considero, nas disputas que participei, vitorioso. Porque na verdade foram duas eleições literalmente empatadas, onde a cidade se dividiu”, declarou.

Em 2004, Gouveia disputou prefeitura de Campina apoiado pelo então prefeito, Cássio Cunha Lima (PSDB), tendo Daniella Ribeiro (PP) vice pela coligação PSDB, PL, PTC, PRONA, PTN, PFL, PTB, PV, PRTB, PP e PSC, contra Cozete Barbosa (PT), Veneziano Vital (PMDB), José Araújo (PMN) e Lídia Moura (PSB), alcançando 89.730 votos (45,73%) contra 82.917 (42,26%) de Veneziano no primeiro turno.

No segundo turno, Veneziano do PMDB, foi eleito com 101.900 votos (50,19%) contra 101.109 votos (49,81%), do tucano.

Em 2008, Veneziano enfrentou mais um vez Gouvêia, que no teve como parceira de chapa a hoje vice-governadora Lígia Felicano (PDT), pela coligação PR, PRP, PRTB, PTN, PDT, PTB, DEM, PSDB, PP e PTC. O então prefeito, apoiado pelo PPS, PSB, PSDC, PSC, PSL, PCB, PMDB, PT do B, PMN, PT do B e PRB, foi reeleito no segundo turno com 116.22 votos (51,52%) contra 109.343 (48,48%).

Redação com Blog do Gordinho

Compartilhar

Enquete

Você concorda com a volta às aulas presenciais este ano?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp