Saiba quais os políticos paraibanos alvos de ações penais no STF

Estão na fila para análise do STF (Suprema Tribunal Federal) 84 ações penais contra 53 Dputados e Senadores que possuem foro privilegiado dos mais diversos partido. Conforme divulgado, esses casos estão, em média, há sete anos sem desfecho. Dessas ações, 22 (26%) estão em andamento há mais de dez anos. Outras 37 (46%) superam seis anos.

Entre os acusados, estão os Deputados Federais Benjamim Maranhão (Solidariedade), sobrinho do Senador José Maranhão, por possível ligação com corrupção e associação criminosa, Rômulo Gouveia (PSD), ex-vice-governador da Paraíba, por crimes ligados a licitações e o ex-prefeito de Campina Grande, Veneziano Vital (PMDB) pelo mesmo motivo.

As investigações tiveram inicio nos anos de 2006, 2007 e 2001 respectivamente.

Redação com Folha de São Paulo

Compartilhar

Enquete

Você concorda com a volta às aulas presenciais este ano?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp