Saúde municipal vai à Câmara cobrar isonomia da Prefeitura de Campina. Categoria pode entrar em greve

Servidores públicos municipais da área de saúde foram na manhã desta terça-feira, 19, à Câmara Municipal de Campina Grande, tentar sensibilizar os vereadores a incluir as demais categoria do setor no Plano de Cargos, Carreira e Remuneração dos Agentes Comunitários de Saúde. Após ocupar as galerias, o grupo se reuniu no hall de entrada da Casa e agendou a realização de uma assembleia e paralisação de advertência, para a próxima segunda-feira, pela manhã. O local ainda será divulgado.

Durante a assembleia, os trabalhadores deverão deliberar sobre novo diálogo com a gestão municipal ou de um indicativo de greve. De acordo com a conselheira Joaquina Amorim, do Sindicato dos Odontólogos e do SindiSaúde, já tinham conversado com o prefeito Romero Rodrigues e com os vereadores dos quais recebeu aceno positivo, mas dias depois foram surpreendidos com a publicação do PCCR. “Estamos reivindicando o acesso aos benefícios através da inclusão dos demais profissionais porque houve uma quebra de isonomia. Ficamos surpresos pela forma como o prefeito agiu porque ele havia dito que não tinha intenção de discriminar nenhuma categoria”, disse.

Joaquina disse que os servidores não estão querendo entrar em greve e acreditam na ocorrência de um equívoco. “Nós não queremos greve, a situação atual é grave e por isso o que pedimos é uma nova conversa e a sensibilidade, porque eu só posso acreditar que houve um equivoco. Agora se não houver esse entendimento, infelizmente a tendência é de um movimento contrário a esse porque não dá pra segurar”, declarou ela.

No dia 13 de abril, o prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues anunciou em reunião com os agentes de saúde do município que enviou à Câmara Municipal de Vereadores o Projeto de Lei que estabelece o Plano de Cargos, Carreira e Remuneração dos Agentes Comunitários de Saúde e dos Agentes de Combate às Endemias, contemplando especificamente as duas categorias. O encontro com os trabalhadores havia acontecido  tarde desta terça-feira, 12, no Teatro Municipal Severino Cabral.

Paraibadebate

Compartilhar

Enquete

Você concorda com a volta às aulas presenciais este ano?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp