Treze fica sem Rafinha para pegar o Central; Caaporã e Preto são opções

7

A ideia do técnico Humberto Santos em escalar o atacante Rafinha entre os titulares do Treze terá que esperar um pouco mais. É que o atacante não teve o seu nome publicado no BID da CBF a tempo de enfrentar o Central, neste domingo, em Caruaru, pela sétima rodada da Série D.  Assim, o treinador terá que escolher entre Caaporã e Preto. O polivalente Téssio corre por fora para jogar.

A tendência é que Caaporã seja o escolhido. Isso porque o ex-jogador do CSP foi o único que substituiu Rafinha nos treinos da semana, formando dupla com Nonato. Titular com Luiz Carlos Mendes, Preto perdeu espaço no time com a chegada de Humberto Santos.

O gerente de futebol Joba Barbosa lamentou o fato de não poder contar com o atacante para o jogo de amanhã. E deixou claro que o Treze fez a parte dele.

 – Mandamos toda a documentação do atacante Rafinha inclusive com as taxas pagas com a antecedência de mais de 48 horas mas infelizmente o nome do jogador não foi publicado no BID, a estreia dele agora vai ficar para o jogo contra o Goianésia – disse o dirigente.

Joba admite que Rafinha estava nos planos de Humberto Santos para entrar no time titular contra o Central, mas confia no elenco trezeano para sair de Caruaru com um resultado positivo.

– Era um jogador que esperávamos contar para esse jogo contra o Central mas infelizmente o nome dele não foi publicado no BID. Para a próxima rodada deve está tudo regularizado. Enquanto isso, temos jogadores no elenco que podem dar conta do recado e fazer uma grande apresentação lá em Caruaru – completou Joba.

Fernando Júnior melhorou da torção no joelho e tem chance de viajar para Caruaru

A boa notícia é que o volante Fernando Júnior, que estava praticamente vetado da partida, melhorou da torção no joelho e tem chances de viajar para Caruaru. Durante a semana, quem treinou na posição foi Caio, volante das categorias de base do Galo.

Com dúvida no meio-campo e no ataque, o Treze deve jogar contra o Central com o seguinte time: Léo Rodrigues, Alisson Santana, Moisés e Guilherme; Toninho, Fernando, Caio (Fernando Júnior), André Beleza e Jaílton; Caaporã (Preto) e Nonato.

O jogo contra o Central é considerado decisivo para o Treze. Isso porque, apesar de ainda estar invicto na Série D, o Galo está fora do G-2 do Grupo 4, atualmente ocupado pelo próprio Central e pelo Estanciano. O time sergipano abre a rodada neste sábado, enfrentando o Goianésia, no interior de Goiás.

Fonte: globoesporte.com

Compartilhar

Enquete

Você concorda com a volta às aulas presenciais este ano?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp