VEJA: Motoboy leva apenas tanque da moto para abastecer mais rápido em posto de combustível

O caso aconteceu no Rio de Janeiro

Um jovem motoboy chamou a atenção durante a fila gigantesca para comprar combustível em um posto às margens da Avenida Brasil, em Irajá, no Rio de Janeiro, na manhã desta segunda-feira (28). Ele estava com o tanque de sua moto na mão. A forma inusitada de aquirir gasolina tinha por objetivo diminuir o tempo de espera – já que o abastecimento através de galões era menor.

“Trouxe o tanque aqui porque quero sair logo e ir direto trabalhar. É meio pesado, cheio vai ficar mais ainda” disse o motoboy Henry Marllon, de 25 anos.

Legislação

Uma resolução da Agência Nacional do Petróleo (ANP) determina que os postos só podem vender o combustível em recipientes que atendam às regras da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) e sejam aprovados pelo Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia Industrial (Inmetro). Garrafas plásticas ou pet, por exemplo, não obedecem a esses critérios.

Veja também:

Compartilhar

Enquete

Você concorda com a volta às aulas presenciais este ano?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp