Vídeo de gafanhotos invadindo cidade da Paraíba é fake, afirma especialista

375
Foto: Reprodução / Redes sociais

Um vídeo compartilhado nas redes sociais que mostra uma nuvem de gafanhotos, na cidade de Monteiro, localizada no Cariri paraibano, é falso. O geógrafo e professor Doutor do Instituto Federal da Paraíba (IFPB), Ericson Torres, analisou as imagens algumas vezes e concluiu que o vídeo é fake. De acordo com o especialista, não há vestígios de gafanhotos nas árvores da praça João Pessoa, que é a principal do município. 

O professor Ericson Torres, também informou a um portal de notícias que nessas árvores têm várias aglomerações de pássaros, sobretudo da espécie pardal. O geógrafo Ericson Torres ainda explica que no vídeo mostra que o fato aconteceu por volta das 0h e que como os pardais não costumam voar em bando, os pássaros que aparecem nas imagens podem ser andorinhas. O especialista também diz que não existem vestígios de gafanhotos e nem denúncias. “Eu assisti o vídeo algumas vezes e deu para perceber que não são gafanhotos, são passarinhos, e também creio que não seja, pois não tem vestígios de gafanhotos nas árvores e também não tem denúncia alguma nas propriedades da zona rural”, disse o professor.

Nuvem de gafanhoto

Um relatório divulgado pelo Ministério da Agricultura da Argentina informo que a espécie de gafanhoto está avançando na América do Sul e que causou diversos danos ao país nos anos de 1960. Os ataques também foram relatados em 2015, em 2017 e 2019. De acordo com os argentinos, o inseto não traz risco aos seres humanos e nem transmitem doenças.

No Brasil, nos anos de 1930 e 1940, os gafanhotos causaram perdas às lavouras de arroz e que nenhuma outra nuvem do inseto havia sido formada.

Redação Paraíba Debate com Informações T5PB

Compartilhar

Enquete

Você é CONTRA ou A FAVOR de encerrar a quarentena do COVID-19?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp