“Vou perguntar a Temer se ele quer”, ironiza Lira sobre saída do PMDB

O senador Raimundo Lira (PMDB) comentou, nesta sexta-feira (13), a sugestão do 1° tesoureiro do PMDB/PB, Antonio Souza, para que o mesmo deixasse a legenda. A entrevista foi concedida ao programa Fala Paraíba, da Rádio Tabajara.

“Vou perguntar ao presidente Michel Temer se o partido quer mesmo a nossa saída, a minha e a dos deputados federais Veneziano Vital, André Amaral e Hugo Motta, como sugeriu um funcionário do PMDB paraibano”, indagou.

Raimundo compõe uma ala do partido que defende aliança e maior diálogo com Ricardo Coutinho (PSB), ao passo que a outra ala, capitaneada pelo presidente estadual da legenda, José Maranhão, defende a manutenção da aliança com PSDB, PSD e PP – grupo de oposição ao governador.

Para estancar a crise interna, Maranhão agendou uma reunião da executiva estadual na próxima sexta-feira (20). Sobre o encontro, Lira disse:

“Vamos sim participar democraticamente e discutir as questões inerentes ao nosso partido; o que queremos é o crescimento do PMDB”, concluiu.

Redação com Wscom

Compartilhar

Enquete

Você concorda com a volta às aulas presenciais este ano?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp