ACOMPANHE NOSSAS REDES

Política

INELEGÍVEL: Advogado diz que Ricardo Coutinho não poderá se candidatar

O advogado paraibano Edísio Souto, uma das maiores autoridades em conhecimento de Justiça Eleitoral no Estado e ex-procurador Geral da Paraíba, afirmou que atualmente o ex-governador Ricardo Coutinho continua inelegível. Em entrevista concedida ao jornalista Luís Tôrres no programa Rede Verdade, da TV Arapuan, nesta quinta-feira (17), Edísio Souto analisou especificamente a situação de Ricardo Coutinho.

De forma técnica, como acompanhou o ClickPB, Edísio Souto comentou que Ricardo Coutinho está inelegível para o próximo pleito por uma questão de dias. “Na minha ótica, por dois dias, três dias ele estaria inelegível”, declarou o advogado lembrando da condenação no Tribunal Superior Eleitoral que declarou Ricardo Coutinho como inelegível.

“O TSE, em uma ação de investigação judicial eleitoral, acho que é mais de uma, aplicou a dr. Ricardo, uma sanção de inelegibilidade pelo prazo de 8 anos”. O advogado explicou ainda que, apesar de o julgamento ter acontecido em 2020, os oito anos de inelegibilidade contam a partir de 2014, quando aconteceu o pleito questionado na Justiça eleitoral pelo candidato Cássio Cunha Lima. Edísio Souto comenta ainda que “aí tem uma coisa que é absurda. O julgamento, se não me engano, foi em 2020. Na minha ótica, o bom senso seria que o julgamento foi em setembro de 2020, seria a partir daquela data, oito anos para frente. Mas a lei é muito clara: são oito anos a contar de quando se deu o fato. No caso concreto, 2014”.

Fonte: ClickPB

Copyright © 2024 - Todos os direitos reservados.