Manifestantes realizam ato contra Bolsonaro e por mais vacinas em frente ao Pedro I e na Secretaria Municipal de Saúde, em Campina Grande

Foto: Reprodução

Manifestantes realizaram um ato contra o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), por mais vacinas contra a Covid-19 e em defesa do Sistema Único de Saúde (SUS), nesta quarta-feira (7), em frente ao Complexo Hospital Pedro I, em Campina Grande, unidade referência para pacientes com o novo Coronavírus e também na sede da Secretaria Municipal de Saúde. Eles levaram faixas e usando microfones, fizeram pronunciamentos.

O protesto faz parte uma agenda nacional e aconteceu em outras cidades brasileiras, tendo as falas e medidas de Bolsonaro em meio à pandemia como plano de fundo. O Sindicato dos Trabalhadores Públicos Municipais do Agreste da Borborema (Sintab) organizou o ato que foi encerrado no final da manhã.

Uma faixa também foi colocada no Hospital Universitário Alcides Carneiro (HUAC), que fica ao lado do Pedro I e é gerido pela Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares do Governo Federal. Já os pronunciamentos aconteceram na entrada da Secretaria de Saúde, como forma de chamar a atenção da gestão municipal para a data de hoje, Dia Mundial da Saúde. Confira:

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Redação Paraíba Debate

Veja também:

Compartilhar