PRF prende em Campina Grande, suspeito de integrar quadrilha de assaltos a bancos

O homem foi abordado em Campina Grande após conseguir fugir de operação policial realizada na Bahia. Ele já foi preso por tráfico de drogas e é suspeito de integrar grupo criminoso responsável por assaltos e explosões a bancos no nordeste do país.

Ação coordenada entre a Polícia Rodoviária Federal da Paraíba e da Bahia resultou na prisão de um homem foragido da justiça da Bahia pelo crime de assalto a banco. A prisão ocorreu na última segunda-feira (19) em Campina Grande.

O homem de 35 anos conduzia um veículo VW Jetta quando foi abordado pelos policiais rodoviários federais na Unidade Operacional da PRF em Santa Terezinha, na BR 230, km 142, no município de Campina Grande. Ele estava fugindo para Paraíba, após a realização de uma operação pelas polícias da Bahia para prender um grupo criminoso que atuava realizando assaltos a banco no nordeste.

Durante a abordagem o homem se identificou com nome falso. Após consultas detalhas e levantamentos de informações orientadas por inteligência, os policiais constataram que tratava-se de um foragido da justiça com uma extensa ficha criminal. Ele já foi preso por tráfico de drogas e é apontado como braço direito do líder da organização criminosa que atuava em assaltos e explosões a bancos, principalmente no estado da Bahia.

O foragido da justiça foi preso, encaminhado à Polícia Civil em Campina Grande e deverá ser reconduzido à Bahia para cumprimento da pena. Além do mandado de prisão, ele deverá agora responder também pelo crime de falsidade ideológica.

Compartilhar

Enquete

Você concorda com a volta às aulas presenciais este ano?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp